SaeR - Sociedade de Avaliação de Empresas e Risco

Autarquias: Cidades portuguesas têm de ganhar escala e gerar riqueza para serem competitivas - Estudo

As cidades portuguesas têm de deixar de depender do Orçamento do Estado, reorganizando-se numa nova lógica para ganharem escala e serem competitivas a nível internacional, nem que para isso tenham de se fundir, considera um estudo.
O estudo "Cidades e Desenvolvimento: um domínio de potencial estratégico para a economia portuguesa", desenvolvido pela SaeR para a Caixa Geral de Depósitos (CGD), é apresentado na sexta-feira em Lisboa.
O documento realça que as cidades de hoje competem umas com as outras a nível global, mas os municípios portugueses continuam definidos segundo um conceito jurídico-administrativo que já não satisfaz as necessidades atuais, muito dependentes do Orçamento do Estado e pouco preocupados com a geração de riqueza na sua região.

Expresso/Agência Lusa
07.Jul.2011